terça-feira, 23 de setembro de 2008

Nem tudo é fácil

É difícil fazer alguém feliz,Assim como é fácil fazer triste.É difícil dizer eu te amo,Assim como é fácil não dizer nada.É difícil ser fiel,Assim como é fácil se aventurar.É difícil valorizar um amor,Assim como é fácil perdê-lo para sempre.É difícil agradecer por hoje,Assim como é fácil viver mais um dia.É difícil abrir os olhos e enxergar o que de bom a vida te deu,Assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.É difícil se convencer de que se é feliz,Assim como é fácil achar que sempre falta algo.É difícil fazer alguém sorrir,Assim como é fácil fazer chorar.É difícil se pôr no lugar de alguém,Assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.Se você errou,Peça desculpas!É difícil pedir perdão?Mas quem disse que é fácil ser perdoado?Se alguém errou com você,Perdoa-o!É difícil perdoar?Mas quem disse que é fácil se arrepender?Se você sente algo,Diga!É difícil se abrir?Mas quem disse que é fácilEncontrar alguém que queira escutar?Se alguém reclama de você,Ouça!É difícil ouvir certas coisas?Mas quem disse que é fácil ouvir você?Se alguém te ama,Ame-o!É difícil se entregar?Mas quem disse que é fácil ser feliz?Nem tudo é fácil na vida,Mas com certeza nada é impossível!Precisamos acreditar, ter féE lutar para que não apenas sonhemos,Mas também tornemosTodos estes Sonhos em realidade!

* * * *

Autor Desconhecido

2 comentários:

Pedro Berocan disse...

Realmente não devemos procurar só o lado fácil.

Que bom que se identifica comigo e gosta de nós librianos. :)

Adoro ver as fotos dos seus gatinhos, eu tenho 4 gatos em casa.

Beijo

Celi... disse...

Eu amo os librianos, sei lá, m identifico mais com vcs... São mais sensíveis, românticos... Eu tinha quatro gatos... Um gato branco, um preto e duas gatas brancas... Só tô com um agora, pois no lugar q moro os vizinhos ñ gostam muito d gatos, então dei os outros, com o peito apertado, mas fazer o q né, é a vida... Estou com o Rico só e nome dele tem um significado...